Muita literatura e música no FLIN 2017

Antônio Nóbrega

Maior projeto literário do RN terá Zuenir Ventura, José Carlos Capinan, Marcelo Rubens Paiva, Carla Camurati, Jaguar, Claudio Oliveira, Edney Silvestre e shows de Tom Zé, Zélia Duncan, Antônio Nóbrega, Os Nonatos e Jessier Quirino.

 

 

Henfil, Ariano Suassuna e Zuenir Ventura são três personalidades que em suas respectivas áreas, deixaram e ainda deixam uma contribuição grandiosa para a cultura brasileira e para o mundo. Da arte do traço, humor, ativismo, política e irreverência; ou da literatura, música e cultura popular e do Nordeste Armorial; e da crônica, ficção e jornalismo literário. Assim é também o movimento Tropicalista, pois seus protagonistas são referências multiculturais para várias gerações posteriores.

Zuenir Ventura

Estes quatros pilares norteiam muitas das discussões na edição 2017 do Festival Literário de Natal – FLIN, que será realizado entre os dias 8 e 11 de novembro, na praça Augusto Severo e Museu de Cultura Popular Djalma Maranhão, na Ribeira.

Realizado pela Prefeitura de Natal através da Secult/Funcarte, o FLIN nos abastece de novos debates e intelectuais de grande contribuição para a cultura brasileira. Seu conteúdo engloba as muitas vertentes do fazer literário, mas vai além ao refletir sobre trajetórias relevantes, localmente ou em âmbito nacional, como é o caso das mesas sobre Veríssimo de Melo, Nísia Floresta, Manoel Dantas, Frei Miguelinho e Woden Madruga.

Carla Camurati

E de emblemáticos como Tom Zé e José Carlos Capinan, que representam contribuições reais para a música, poesia e vanguardas brasileiras, assim como Marcelo Rubens Paiva (“Feliz Ano Velho”, “Bala na Agulha”, “Blecaute”, “Malu de Bicicleta”, “Não és tu, Brasil”) e Carla Camurati (“Carlota Joaquina”, “Irma Vap – o retorno”, “Copacabana”) se tornaram divisores de águas para a literatura e o cinema. E o cartunista Henfil, o artista que revolucionou com seu traço único e o humor, que agora será revisitado por Jaguar, André Dahmer, Claudio Oliveira e Ivan Consenza.

Visitar a obra e a trajetória de um autor com a presença do próprio homenageado é um momento singular, pois é a oportunidade de entender o contexto de cada livro ou personagem. E será assim com o jornalista e cronista Zuenir Ventura. Ele irá dialogar com seus interlocutores, nada menos que o escritor e jornalista Edney Silvestre e  o filho Mauro Ventura, diretor de teatro e cinema e jornalista. Será o grande momento de pontuar a carreira e o caminhar deste autor militante na vida, no jornalismo e na literatura. Zuenir escreveu obras que misturam ficção e realidade, como “Não verás País Nenhum” (Global) que chegou a 27ª edição, “1968 – O Ano que Não Terminou”, “Cidade Partida”, “Inveja – Mal Secreto”, “Sagrada Família”, entre outros.

O mossoroense recém-empossado na Academia Brasileira de Letras, João Almino (“Enigmas da Primavera”, “Ideias para onde passar o fim do mundo” e “Entre Facas, Algodão”) estará pela primeira vez em uma mesa literária no FLIN, ao lado do também potiguar Humberto Hermenegildo (“Rastejo”, “Argueirinha”). Eles falarão sobre suas escritas e a relação entre ficção e memória. O poeta e ensaísta Antônio Cícero está de volta para falar sobre o “vale tudo da poesia”, ao lado de Nelson Ascher, tradutor e crítico literário e cinematográfico.

Tom Zé

Assim como Antônio Nóbrega e Zélia Duncan – que além de participar de bate-papos sobre seus interesses literários (Ariano Suassuna e Hilda Hilst) –  ainda vão apresentar shows musicais. Os dois se apresentam na quarta e sábado, respectivamente às 22h

As irmãs Ana Miranda e Marlui Miranda abordaram temáticas mais recentes em seus trabalhos. Recém diplomada com o 2º lugar no Prêmio Jabuti 2017 pela biografia “Xica da Silva, a Princesa Negra” (Ed. Record), Ana Miranda tem sua carreira calcada em biografias e romances históricos, como “Boca do Inferno” (sobre Gregório de Matos e Padre Antônio Vieira), “Dias e Dias” (sobre Gonçalves Dias) e “A Última Quimera” (Sobre Augusto dos Anjos). Neste bate-papo falará sobre sua pesquisa que nos transporta para o Brasil do século 18: uma realidade de fidalgos e pés-rapados, de cantos africanos e rezas católicas, um quadro vivo e riquíssimo de detalhes do violento ciclo do diamante, por meio do qual Ana Miranda reconstrói a biografia de Xica da Silva, uma personagem que nos fascina há gerações.

Festival de Violeiros e Repentistas

Dentro do evento literário também acontece o Festival de Violeiros, com apresentações de cultura popular, poesia oral e shows com nomes como Ivanildo Vilanova, Raimundo Caetano, Amâncio Sobrinho e uma participação especial de Jessier Quirino. Presença também da Academia Norte-Riogradense de Literatura de Cordel e o espaço Estação do Cordel. Na sexta-feira, mais viola será entoada com o show de Os Nonatos, às 22h.

A parceria com o Sesc-RN complementa a programação com a participação de jovens autores, temas do universo digital, quadrinhos, ilustradores, cultura pop e a presença do teatro como elo elemento da literatura oral. Nos estandes das editoras Cooperativa Cultural da UFRN, Sebo Vermelho, Queima Bucha, Jovens Escribas. CJA, Academia Norte-riograndense de Letras estão programados vários lançamentos.  O Flin também marca o retorno da revista Brouhaha, que passa a ser digital e interativa, um  veículo de convergência de mídias.

 

 

PROGRAMAÇÃO DO FESTIVAL LITERÁRIO DE NATAL – FLIN 2017

QUARTA-FEIRA, DIA 8.11

18h – Tenda Moacy Cirne

‘O Literário em Veríssimo de Melo’

Diógenes da Cunha Lima e Michelle Paulista

 

19h – Tenda dos autores

MESA 1: ‘Tropicália Lixo Lógico’

Com Tom Zé | André Vallias

 

20h – Tenda dos autores

Mesa 2: Tropicalismo: inserção & desdobramentos

José Carlos Capinan | Carlos de Souza

Participação Gereba Barreto

 

21h -Mesa 3 – O Escritor Militante

Com Zuenir Ventura | Mauro Ventura | Edney Silvestre

 

22h – Palco

Show musical de Tom Zé

 

 

 

QUINTA-FEIRA, 9.11

8h – Abertura do Espaço Sesc/Flin

8h às 9h – Contação de Histórias com Ivan Zigg- RJ

9h às 10h – Contação de Histórias de O Tapete Voador- PE

Com Mila Puntel (atriz e contadora de histórias) & a pernambucana Bruna Peixoto (musicista e contadora de histórias).

10h às 11h   – Um livro para cada leitor: Kalliny Moura e Márcio Benjamin Mediação da jornalista e poeta Michele Ferret

13h às 14h – Contação de Histórias- Ivan Zigg- RJ

14h às 15h – Contação de Histórias- O Tapete Voador- PE

15h às 16h – Traço e rabisco, o que é isso? : Luiza de Souza-RN e Aureliano Medeiros-RN. Mediação de Michele Ferret RN

 

18h – Tenda Moacy Cirne

Nísia Floresta’

Com Diva Cunha e Nivaldete Ferreira

 

FESTIVAL DE VIOLEIROS

 

19h – Tenda dos Autores

Tema:  ‘A poesia de Hilda Hilst, por Zélia Duncan”

Com Zélia Duncan

 

20h – Festival da viola

Apresentações de Sebastião Dias e Zé Carlos do Pajéu | Oliveira de panelas e Zé Viola | Ivanildo Vila nova e Raimundo Caetano | Valdir Teles e Severino Feito | Ismael pereira e Jonas Bezerra | .Aboiador Amâncio Sobrinho

Participação especial: Jessier Quirino – pocket show

 

22h – Show musical de Zélia Duncan

 

 

 

SEXTA-FEIRA, 10.11

8h as 9h – Contação de histórias Grupo de Teatro Clowns de Shakespeare-RN

9h as 10h –  Contação de histórias Companhia Pé de Baobá- PB

10h as 11h – Nerd e Otaku: diálogos de força: Gabriel Andrade-RN, Giovana Leandro-RN e Paulo Morais-RN. Mediação de Milena

Intervalo

13h as 14h – Contação de histórias Grupo de Teatro Clowns de Shakespeare-RN

14h as 15h – Contação de histórias Companhia Pé de Baobá- PB

15h as 16h   Mistura de versos: poesia, cordel e rap: Manoel Cavalcante-RNRegina Azevedo-RN e Fábio Brazza- SP. Mediação de Carlos Fialho-RN

17h40 – Lançamento da Revista cultural digital #Brouhaha – 2017/01

 

18h – Tenda Moacy Cirne

“Conversas com Woden Madruga – 60 anos de jornalismo”

Com Tácito Costa, Franklin Jorge e Beatriz Madruga

Os convidados pontuarão a trajetória do decano do jornalismo potiguar, falando em jornalismo, política, cultura, cultura popular, memória, livros, amigos e cartas

19h – Tenda dos Autores

MESA 1: ‘romance: Ficção e Memória’

João Almino e Humberto Hermenegildo

 

20h – Tenda dos Autores

MESA 2: ‘Vale Tudo em Poesia?’

Antônio Cícero, Nelson Ascher  e  Vicente Serejo

 

21h – Lançamento de “Entre Facas, Algodão”, de João Almino

(Local: Estande da Cooperativa Cultural no FLIN)

 

21h10 – Tenda dos Autores

Mesa 3: Literatura e Cinema

Marcelo Rubens Paiva e Carla Camurati

 

22h – Palco

Show musical de “Os Nonatos”

 

SÁBADO, 11.11

 

18h – Tenda Moacy Cirne

 

“Frei Miguelinho e Manuel Dantas”

Com Edgar Dantas e Gustavo Sobral

 

19h – Tenda dos Autores

MESA 1: “Políticas Públicas para a Cultura Popular ”

Antônio Nobrega e Luiz Assunção

 

20h – Tenda dos Autores

MESA 2: “O Rebelde do Traço & Outros Traços”

Jaguar  | André Dahmer  | Claudio Oliveira | Ivan Consenza

 

21h – Tenda dos Autores

MESA 3: Xica da Silva, a Princesa Negra

Ana Miranda  e Marlui Miranda

 

22h – Show: Antônio Nóbrega em

 “Um Recital para Ariano Suassuna”

 

 

ESTANDES DAS EDITORAS

EDITORA SEBO VERMELHO

Lançamentos:  “Vila Nova – Mito, Versos e Viola” e “Fabião das Queimadas – de Vaqueiro a Cantador” (Irani Medeiros)

Curta-metragem: “O recanto de Carmin” (dir.: Felipe Silva de Oliveira)

 

EDITORA QUEIMA BUCHA

Quinta-feira: “1927‑2017 – 90 Anos da Invasão de Lampião a Mossoró “,  Livro de Literatura de Cordel (autor: Neto Braga)

Sexta-feira

“Uma história de fé e cura – Contada em prosa e em prece” (autora: Francisca Fernandes de Oliveira Gomes). Relato da autora, sobre a descoberta do câncer de mama em sua filha. Do tratamento à cura.

 “Aves de arribação-Lendas e canções sertanejas” (Autor: José Leão – 2ª edição. Livro do poeta assuense, publicado originalmente em 1877. Com posfácio de Alexandre Alves

Sábado: “Espelho” – Poesia (Autora: Camila Paula)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *